Gustavo Miranda

Palavras... São Idéias & Sentimentos.

Textos

A ESTRADA
Eu não choro.
Eu não choro agora,
Mas eu já chorei muito,
Há muito tempo atrás...

Tornei-me uma rocha.
Como as da beira mar,
Que são açoitadas dia e noite,
Sobre o sol, sobre a lua...

Mas isso não fez de mim um insensível, não!
Apenas aprendi que, lágrimas são poesias orgânicas,
Que devem ser declamadas somente em momentos únicos,
E momentos únicos são raros...

Eu não choro.
Eu não choro agora,
Mas eu já chorei muito,
Há muito tempo atrás,
Com o olhar perdido numa estrada...

Gustavo Miranda
Enviado por Gustavo Miranda em 18/06/2017
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Site do Escritor criado por Recanto das Letras