Elizio Santos

Devarim, devarim...

Textos

EU TE AMEI
Eu te amei.
Te amei sim...
A ponto de achar que me perdi nos tempos verbais,
Do tempo que te amei.

É como se eu vivesse em uma prisão do tempo.
Sem grades, janelas, paredes...
Mas está tudo lá,
Invisivelmente lá.

E eu não sei se desejo ser livre sem seu amor,
A liberdade sem ti, é vaguear num deserto sem fim,
Preferível é morrer a sombra de seu olhar, piedoso... piedoso...
Gustavo Miranda
Enviado por Gustavo Miranda em 19/01/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras