Textos

Poesia 995
Pai olha por mim
mais uma vez
te quero muito

Eu sou só
não tenho companhia

Por que tudo que me perguntam é:
você não gosta de ficar em casa?
claro que gosto!

Mas sorrio com o peito dilacerado e respondo:
Eu adoro a rua!
E na minha resposta oculta, mora a profunda tristeza da verdade.
Amo minha casa, meus filhos, meus netos.

Em relação aos meus amigos
eu me sinto muito triste
por que eles só me querem
através de meu dinheiro!

E fujo da chateação deles
Fingindo-me de desentendida

Pobres almas interesseiras
Gustavo Miranda
Enviado por Gustavo Miranda em 10/02/2020
Alterado em 10/02/2020
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, fazer uso comercial da obra, desde que seja dado crédito ao autor original (Você deve citar autor e site.). Você não pode criar obras derivadas.


Comentários